quinta-feira, 18 de julho de 2019

Gorro com orelhas


 Vídeo em Breve!



terça-feira, 2 de julho de 2019

domingo, 23 de junho de 2019

Gorro e Cachecol Cisne Loop







Cachecol:
10 pontos
Trabalhar até 1,50m (aprox.)

Gorro:
14 pontos
Trabalhar em ponto tricô, deixando 1 argola em uma das laterais por 36 carreiras (18 argolas)
Se quiser o gorro com mais barra para virar, aumente os pontos iniciais (16, por exemplo)
Se quiser o gorro menor (infantil), diminua as carreiras (30, por exemplo)

terça-feira, 11 de junho de 2019

Polvo projeto Octo

Muita gente me pede a receita do polvinho para prematuros.



Apesar de haver dúvidas sobre a eficiência da utilização do polvo (leia matéria do G1), resolvi publicar a receita original  da Dinamarca (onde o projeto começou) traduzida pela artesã Andreia Correia.

Não há comprovação científica do benefício relatado por pais e enfermeiros. Porém, acredito que mal não faz, além do que cada hospital é responsável e sabe se deve ou não colocar dentro da incubadora de cada bebê. 

Como brinquedo, para bebês não prematuros não há problema, é um amigurumi como qualquer outro.


Informações importantes para prematuros:
  • *O tentáculo esticado não pode passar de 22cm, caso passe, diminuir a quantidade de correntinhas.
  • A cabeça deve ficar com 6 a 9cm
  • Usar fio 100% algodão
  • Não usar olhos com trava ou outros acessórios como chupeta, laço, gravata etc. (os bebês podem arrancar).
  • Fazer o ponto bem apertado para que o enchimento não saia, se necessário, diminua a numeração da agulha.
  • Preencher com fibra siliconada (que pode ir no autoclave=altas temperaturas)
  • Bordar com o próprio fio do crochê.
  • Não comercializar o polvo, o projeto tem a tradição de fazer apenas através de doação.
Se deseja fazer para doação em hospitais, procure saber se já há algum grupo em sua cidade e pergunte as orientações antes de fazer as peças. Eu consegui estas informações no Projeto Octo Brasil.


1ª carr.: 6 p.b. no anel mágico
2ª carr.: 6 aum. [12 p.]
3ª carr.: (1 p.b., 1 aum.) 6x [18 p.]
4ª carr.: (2 p.b., 1 aum.) 6x [24 p.]
5ª carr.: (3 p.b., 1 aum.) 6x [30 p.]
6ª carr.: (4 p.b., 1 aum.) 6x [36 p.]
7ª a 14ª carr.: 36 p.b.
15ª carr.: (4 p.b., 1 dim.) 6x [30 p.]
16ª a 17ª carr.: 30 p.b.
18ª carr.: (3 p.b., 1 dim.) 6x [24 p.]
19ª a 20ª carr.: 24 p.b.
21ª carr.: (2 p.b., 1 dim.) 6x [18 p.]
22ª carr.: 18 p.b.
23ª carr.: (7 p.b., 1 dim.) 2x [16 p.]
24ª carr.: 16 p.b.
25ª carr.: tentáculos (1 p.b., 50 corr., voltar com 2 ou 3 p.b. em cada corr.) 8x *, preencha com enchimento acrílico
26ª carr.: 8 p.b., pegando nos p.b. da carr. anterior (pulando os tentáculos).
27ª carr.: 8 p.b., arremate.

Bordar os olhos entre as carr. 13 e 14 com 7 p. de distância entre eles.



Dúvidas: http://www.projetooctobrasil.com.br/
Matéria G1: https://g1.globo.com/distrito-federal/noticia/ministerio-da-saude-nao-recomenda-uso-de-polvos-de-croche-em-incubadoras-entenda.ghtml

Como eu fiz:
Usei a linha Cisne Amigulove e agulha de 3,00mm. Para a minha tensão de ponto, eu eliminei a carreira 24 (senão passaria dos 9cm a cabeça) e fiz os tentáculos com 45 correntinhas (para não passar de 22cm). Os olhos eu bordei pegando 2 carreiras (entre a 12 e a 14) com 7 pontos de distância entre eles. 












quinta-feira, 30 de maio de 2019

Casal de gatinhos

Baixe a receita em pdf clicando na foto:


Vídeo com dicas de acabamento:


Atenção! no pdf do corpo considere as carreiras 28 e 29 como 24 e 25.

segunda-feira, 27 de maio de 2019

domingo, 26 de maio de 2019

Porta canudo de crochê



Precificação:

Peso do novelo de Amigulove = 103g
Peso da peça final = 20g

103/20 = 5,15 - 1 novelo rende 5 peças

Considerando que você pagou R$ 8,99 pelo novelo (preço em Maio/19), significa que você gastou R$1,80 de linha (8,99/5 = 1,80).

Eu comprei os canudos na 25 de Março (SP) em pacote de 6 unidades por R$ 10,00
10/6 = R$1,67 de canudo. Você terá que calcular o seu custo (mais barato ou mais caro).

Seguindo o cálculo de horas do meu post de quanto cobrar pelo artesanto, eu estipulei o valor de R$10,00 por hora (faça o seu cálculo de hora). Eu demorei 1h30 para fazer, então o valor fica em R$ 15,00 de mão de obra

Somando os valores, o mínimo para cobrar pela peça seria R$18,47, você pode acrescentar de 10% a 15% para incluir o lucro e despesas fixas (energia, aluguel, transporte, internet etc) e o valor vai para R$20,32 a R$21,24

A sugestão de venda seria entre R$20,00 e R$22,00

Esta é uma sugestão de cálculo mais profissional para a precificação. Se você utilizar aquele velho cálculo de "material x 3", esta peça sairia por R$ 10,41 (muito barato) e sua hora de trabalho seria muito desvalorizada!

Desta forma você consegue calcular o seu preço e isso serve para todas as peças.



Dica:
Faça um caderninho com os pesos de cada fio que você costuma utilizar e quanto você pagou, pois nem sempre temos um novelo inteiro para pesar quando usamos as sobras de linha, além de não lembrar todos os preços de cabeça.




quinta-feira, 23 de maio de 2019

Lucet Cord




Lucet é uma ferramenta usada na fabricação de cordas ou tranças, que acredita-se que remonta aos períodos viking e medieval, quando foi criado para tecer cordões usados ​​em roupas, ou para pendurar itens no cinto. 

O cordão de Lucet (lucet cord) é quadrado, forte e ligeiramente elástico, formado por uma série de nós e, portanto, não se desfia quando é cortado.

Abaixo o molde que pode ser recortado em madeira ou mdf.

Muito indicado para a iniciação de crianças no artesanato. Tem uma variedade de pontos e no vídeo eu ensino o mais básico.



Comece tecendo com um fio mais elástico (acrílico, lã, malha), os fios de algodão são mais difíceis de trabalhar.

Aplicações: cordões, alças, colares, pulseiras, fechamento de bolsas, elásticos de cabelo.